Caseiro é morto com golpes de machado e seu corpo é atirado dentro de cisterna

Unknown | 16:59:00 | 3 comentários

   
O crime foi próximo da cidade “Cidade Eclética”.
Segundo informações da polícia, uma ligação para o telefone da viatura, pessoas diziam que em uma chácara ali próximo havia um corpo dentro de uma cisterna e ao chegar ao local os militares avistaram apenas os pés da vítima que estava submersa.


 Equipes dos bombeiros de Águas Lindas de Goiás foram acionados para retirar o corpo do local. A vítima foi identificada apenas com o nome de Ramos e que tinha 58 anos, segundo informações ele era o caseiro da chácara.



 As investigações da polícia apontam em acerto de contas já que a vítima teria visto os autores do crime roubando algumas galinhas e ameaçou denunciar.



 A polícia prendeu dois suspeitos do crime logo após as equipes deixarem o local, com um deles, a polícia encontrou uma arma de fogo, eles teriam confessado o crime. Segundo informações eles teriam obrigado um menor de 13 anos a lavar o local onde estava cheio de sangue da vítima para despistar as investigações e chegou ameaçar o menor caso ele falasse.



 O crime teria acontecido na noite deste domingo (15/09) e só no dia seguinte as pessoas viram a vítima no fundo da cisterna há mais de 15 metros de profundidade.

 Os indivíduos vão responder por homicídio qualificado, ocultação de cadáver, corrupção de menor podendo pegar mais de 30 anos de cadeia.




Categoria:

Espalhe por aí

3 comentários

  1. Unknown says:

    Fico muito triste em ver a covardia humana.Nem mesmo animais são tão cruéis assim.

  2. Anônimo says:

    "Os indivíduos vão responder por homicídio qualificado, ocultação de cadáver, corrupção de menor podendo pegar mais de 30 anos de cadeia."
    Não dou duas semanas pra essa justiça podre, fraca daqui liberar os culpados

  3. Gustavo says:

    Eu conheço ele há muito tempo e ele era carinhosamente apelidado de raminho,meu velho amigo, como puderam fazer isso com você, que você descanse em paz e que os anjos te acolham no céu.