Caíram depois de denúncia anônima

Unknown | 10:48:00 | 0 comentários

Nessa segunda feira, (20/05), por volta das 17:00hs, a viatura 6091, com o cabo Márcio e o soldado Cândido, lotados na 35ª CIA, foi acionada para comparecer ao setor Mansões Centro Oeste, onde quatro indivíduos estavam em um lote baldio portando uma arma de cano longo. Quando a viatura chegou ao local, os policiais constataram a veracidade da denúncia, ao se depararem com os elementos que inclusive usavam rádios de comunicação, mas dois deles conseguiram fugir.



Alisson Amaral, de 27 anos, ajudante de marceneiro, foi preso portando uma espingarda de pressão 5.5, que disse ter comprado de outra pessoa. Um menor foi apreendido, e com eles os policiais encontraram também uma pequena quantidade de droga e um rádio de comunicação, do mesmo modelo usado por olheiros do tráfico nos morros do Rio de Janeiro e favelas de São Paulo e Belo Horizonte .



Conforme os policiais, naquele setor de Águas Lindas, tem acontecido assaltos praticados por meliantes portando arma de cano longo, e que mesmo sendo de pressão, a espingarda apreendida pode matar.

Os dois foram conduzidos para delegacia e entregues a polícia civil que cuidará do destino da dupla.


COMENTÁRIO DO REPÓRTER:

Conversei com os dois, e nenhum deles soube explicar porque os colegas fugiram da polícia. O maior de idade, disse ser ex cobrador e que trabalha como ajudante d marceneiro, é casado e pai de uma filha, afirmando que não deve nada pra polícia. Mas não soube explicar porque naquele horário estava naquele local, portando arma, droga, em companhia de outros elementos. Será que estavam rezando?
Carlos Leal, sem papas na língua.

Fotos: Gustavo Macedo/TV CMN

Categoria:

Espalhe por aí

0 comentários