Prefeito agride servidora pública

Unknown | 18:46:00 | 0 comentários


O prefeito de Santo Antônio do Descoberto, ITAMAR LEMES DO PRADO (PDT), partido que tem a sigla alusiva à democracia e ao trabalhismo, agrediu a fiscal de posturas Magda Cristina, tentando impedir que a servidora pública exercesse sua função. Conforme a fiscal, o motivo da agressão foi uma obra irregular que está sendo feita no Posto de Combustíveis Pit Stop, situado na Avenida Goiás, que ela estava fotografando para fins de registrar a irregularidade.


No momento em que fazia seu trabalho, a fiscal foi surpreendida pelo prefeito ITAMAR LEMES (PDT), que chegou ao posto visivelmente irritado, e logo agrediu a servidora com um tabefe no braço “tapa forte”, derrubando ao chão o celular da servidora. Imediatamente, o prefeito apoderou-se do celular e apagou todas as fotos, numa tentativa de destruir as provas das irregularidades já registradas pela fiscal, mas “CAIU DO CAVALO”, porque outra pessoa estava gravando sua desastrosa e criminosa ação, que também ficou gravada nas câmeras de um circuito fechado próximo do local. Na gravação, ouve-se claramente o prefeito dizer, “eu sou prefeito, e como se diz, quem manda em Santo Antonio sou eu”.

E agora Itamar?

Por agredir uma mulher, você pode ser enquadrado na Lei Maria da Penha. “Fique tranquilo prefeito, essa é mais uma Lei que não funciona para punir políticos”.

É um absurdo, ver essas coisas acontecerem frequentemente e ficarem sem a devida punição. A fiscal estava apenas exercendo sua função, mas, contra pessoas influentes. Se ela, estivesse autuando um cidadão comum, será que o prefeito agiria da mesma forma?

Por outro lado, a imagem de funcionário público é pública, portanto, se o prefeito não quisesse ser filmado, que não entrasse na frente da câmera.

As imagens são do canal do Youtube: SESSÃO NA CÂMARA MUNICIPAL SAD


Categoria:

Espalhe por aí

0 comentários