Lilico levou mais de 50 facadas

Unknown | 10:10:00 | 9 comentários


Tórax e barriga de Lilico ficaram furados igual peneira de pedreiro. Tudo indica que ele tenha levado mais de cinquenta facadas. 

Era aproximadamente 19:00hs de sábado (06/09), quando transeuntes que passavam pela Quadra-J do Setor Coimbra se depararam com uma cena macabra na escuridão. Estendido no chão estava o corpo de um homem, sem camisa e completamente ensanguentado onde eram visíveis as perfurações, possivelmente feitas por faca ou por outro objeto de “lâmina e perfurante”. A vítima foi logo reconhecida como sendo Marco Aurélio Pereira de 37 anos (vulgo Lilico).



Conforme informações de populares, Lilico era usuário de drogas e constantemente furtava no interior de residências do setor, e também era destemido e abusado, do tipo que ameaçava as pessoas. Ele também era sempre visto envolvido em brigas com desafetos, porém, ninguém soube informar as causa das brigas, suspeite-se que fossem por dívidas de drogas. Ainda conforme populares, muita gente já foi vítima de Lilico, que era um ladrão contumaz e destemido. Também nos chegou a informação de que Lilico já era velho conhecido da polícia com várias passagens por diversos artigos (informação ainda não confirmada), mas nos foi dito que quando ia preso ao ser posto em liberdade distribuía ameaças à revelia, dizendo que ia pegar quem o tenha "dedurado".




Para vizinhança, a morte de Lilico vai trazer mais tranquilidade para o Setor Coimbra, e que isso deve ter sido acerto de contas com traficantes.

O caso agora vai ser investigado pela 1ª Delegacia de Águas Lindas podendo a continuidade da investigação ficar por conta do GIH da Delegacia Regional de Águas Lindas.

DENUNCIE: Caso saiba de alguma informação sobre esse ou outros homicídios, ligue para o GIH da Polícia Civil: 3613-2648. (Não precisa se identificar).



COMENTÁRIO DO REPÓRTER:

Não podemos esquecer que violência é violência e não importa quem seja a vítima, mas quando se trata de algum elemento nocivo à sociedade, já é de se esperar, mesmo porque, a média de vida de quem ingressa na vida criminosa, é de 26 anos. Lilico ainda teve muita sorte vivendo até aos 37. Temos visto adolescentes mortos com idade entre 14 e 17 anos. O crime não compensa.

Carlos Leal, sem papas na língua.  

Fotos: Gustavo Macedo/TV CMN 

Categoria:

Espalhe por aí

9 comentários

  1. Anônimo says:

    infelizmente parece que apenas assim o ladrão deixa de roubar não que eu estou feliz com a morte dele, mas o que planta colhe e também quantas pessoas esse cara fez mal.

  2. Anônimo says:

    Meu primooo

    Infelizmente o mundo das drogas da nisso!

    Mais mesmo assim é família, ninguém fica feliz com morte de seu ente querido!

    Luto!

  3. Anônimo says:

    nada justifica

  4. Anônimo says:

    O CARA QUE ESCREVE AS MATERIAS, ESCREVE RUIMMM!!! MEU DEUS...

  5. Anônimo says:

    Roba demais agora acho

  6. Anônimo says:

    E triste ver que o ser humano estar se auto destruindo afinal esse foi o fim que ele mesmo procurou! E quem mais sofre com isso e a familia!!!"!

  7. Anônimo says:

    Ladrão Bom e Ladrão mortooooooooooooo

  8. Anônimo says:

    Ser td q roubasse estivesse morto esse mundo era perfeito. Ser vc num tem o q fala melhor num da palpite . Eee ter cuidado por q ontem foi ele quem saber amanhã num poder acontecer com vc .#fica a dica #.

  9. Anônimo says:

    Cachangueiro bom e Cachangueiro morto se moreu e porque nao tava rezando não