Ações do MP querem garantir nomeação de aprovados em concursos de Águas Lindas de Goiás

Unknown | 10:31:00 | 0 comentários



A promotora de Justiça Tânia D’Able Bandeira protocolou duas ações civis para garantir a nomeação de aprovados em concurso público para provimento de cargos nos quadros da administração municipal de Águas Lindas de Goiás. Uma delas refere-se ao concurso para provimento de 641 cargos na Secretaria de Administração e a outra ao concurso para provimento de 249 cargos efetivos para a Secretaria de Saúde de Águas Lindas de Goiás.

Nos dois casos, o MP requereu liminarmente a prorrogação do prazo dos concursos até o julgamento da demanda. Espera-se, ao final do processo, a imediata exoneração dos comissionados que não se enquadrarem em cargos de chefia, direção ou assessoramento e a rescisão dos contratos temporários daqueles que ocupam as funções correspondentes aos cargos efetivos previstos nos concursos.

Pede-se a proibição da prorrogação dos contratos temporários vigentes e da celebração de novos contratos, bem como a nomeação de novos comissionados para desempenho de atribuições correspondentes aos cargos efetivos dos concursos.

Por fim, requereu a nomeação dos aprovados, preenchendo-se o número de vagas ofertadas no edital e também a nomeação daqueles que constam no cadastro reserva na mesma proporção dos quantitativos de servidores comissionados exonerados e temporários demitidos que tenham atribuição análogas aos cargos objeto dos concursos deflagrados para as áreas de Saúde e de Administração.

A promotora observa que, apesar de decorridos dois anos de sua homologação, nenhum aprovado foi nomeado até a presente data. (Cristiani Honório / Assessoria de Comunicação Social do MP-GO).

Fonte: Ministério Público de Goiás

Categoria: , , ,

Espalhe por aí

0 comentários