Programa Melhor em Casa atende mais de 100 pacientes em Águas Lindas

Unknown | 17:17:00 | 0 comentários




A Prefeitura Municipal de Águas Lindas de Goiás por meio da Secretaria Municipal de Saúde atende mais de 100 pacientes com o Programa Melhor em Casa. A equipe multiprofissional composta por médico, enfermeiro, técnico de enfermagem, fisioterapeuta, fonoaudiólogo e nutricionista realiza acompanhamento de pessoas acamadas sem condições de locomoção e com necessidade de reabilitação motora.



O programa possibilita que a equipe médica faça procedimentos de maior complexidade no próprio domicílio como curativos, monitoramento frequente de sinais vitais, pressão arterial, glicemia, adaptação ao uso de sondas e ostomias. Entre os pacientes atendidos pelo programa estão: idosos, pacientes crônicos sem agravamento ou em situação pós-cirúrgica.

Para o prefeito Hildo do Candango, este acompanhamento é muito importante, principalmente para as famílias. “O programa Melhor em Casa ajuda a reduzir internações desnecessárias e filas nos serviços de urgência e emergência, já que a assistência, quando há indicação médica, passa a ser feita na própria residência do paciente, desde que haja o consentimento dele e da família, garantindo a continuidade do tratamento integrado à rede de atenção à saúde”, diz o prefeito.

A equipe realiza ainda acompanhamento domiciliar em pós-operatório; faz uso de aspirador de vias aéreas para higiene-bronquite; observa a necessidade de alimentação por sondas, administra medicamentos, supre o estoque de fraldas e de material para curativo. Todo o material é disponibilizado pela Secretária de Saúde.


De acordo com a Secretaria há também demanda de pacientes em uso de suporte ventilatório não invasivo e reabilitação motora. “O médico faz a visita domiciliar, prescreve exames, medicamentos, todo o material que o paciente necessita e a equipe vem até a Secretária de Saúde pega todo o medicamento, marca os exames e depois leva até à casa do paciente e se for o caso de internação também a equipe providencia o encaminhamento”, disse o Subsecretário de Saúde James Farias.
“Hoje fomos à casa do paciente Francisco Orinel, vítima de acidente de moto, com quadro de Traumatismo Crânio Encefálico (TCE). Nossa equipe realmente se sente gratificada pelo bom resultado com nosso trabalho. Também temos o caso de reabilitação do paciente Evagivaldo, que sofreu um AVC e hoje tem uma melhora clínica significativa devido ao atendimento fisioterápico realizado”, explicou o médico Cícero Batista.

Como participar?

O cadastro é feito diretamente no Postos de Saúdes onde o paciente é atendido ou por meio dos agentes comunitários de saúde (ACS).

Documentos necessários:

É necessária a apresentação de RG, CPF, certidão de nascimento ou casamento e também o cartão do SUS. Seu uso facilita a marcação de consultas e exames e garante o acesso a medicamentos gratuitos.

Categoria: , ,

Espalhe por aí

0 comentários