Elemento é beneficiado com o saidão do Dia dos Pais e é pego pelo GPT cometendo crime

Unknown | 14:24:00 | 0 comentários


A equipe do GPT estava em patrulhamento pela cidade de Águas Lindas de Goiás nesta sexta-feira (07/08/2015), quando receberam via COPOM informações de que estava ocorrendo um roubo em uma confeitaria do Setor 9 por dois elementos que ainda roubaram o veículo Siena de cor bege da vítima.

     Durante o patrulhamento já pela BR 070 diante das características, os militares avistaram o automóvel e começaram a acompanhar tendo êxito em abordar o homem próximo de Girassol.


Para dificultar o trabalho do GPT, o indivíduo identificado como Joniele Oliveira Fernandes de 30 anos ainda tentou enganar os militares dando o nome completamente errado, mas depois de conversar com o mesmo ele acabou revelando o verdadeiro nome e relatou que foi beneficiado com o saidão para o Dia dos Pais.

Realmente alguns ainda não tomam jeito e se não fosse a equipe do GPT composta pelos militares cabo Wendel, cabo Rinaldo, cabo Hamilton e soldado Boeno, o elemento já estaria longe.

Infelizmente o outro comparsa conseguiu escapar e vai passar o final de semana em liberdade para a sorte do mesmo e isso se não for pego antes pela polícia.

Joniele Oliveira já é velho conhecido da polícia e inclusive da TV CMN quando tentou enganar a equipe da GPT, mas foi encano no dia (15/05/2012).

Entenda o caso:
Bandido foi solto no dia 08 e no dia 15/05/2012 caiu novamente
Bandido dissimulado, com mandado de prisão, inúmeras passagens e de alta periculosidade, tenta enganar equipe da GPT. Não conseguiu, foi em cana e recambiado para 24ª DP no DF
Joniele Oliveira Fernandes 27 anos, natural de São Miguel do Tapuio-PI, cumpria pena no Presídio de Águas Lindas por receptação Art.180 do CPB, quando foi colocado em liberdade no dia 11/05. Até aí, tudo bem. Se não fosse um mandado de prisão contra ele, expedido pela Justiça do DF no dia 08/05 onde era procurado por assalto a mão armada Art. 157 do CPB. Mas Joniele cruzou o caminho da GPT.

Já viram no que deu, não é? Se você pensou que ele entrou em cana novamente, acertou. A equipe comandada pelo Sgt. Carlos e composta pelos guerreiros soldados, J. Gomes, Oliveira, Rudney (cabo Borges hoje) e Palma, fizeram uma busca no até então suspeito, onde encontraram uma boa porção de crack. Joniele então tentou convencer aos policiais que a droga era para consumo próprio, pois era viciado na maldita pedra e que estava limpo, pois já havia pago o que devia para justiça. Informou a data em que foi liberado, e pediu uma chance, pois queria mudar de vida. Ai, ai, ai, ai, ai, vejam só pra quem ele foi se fazer de inocente. A equipe conduziu Joniele ao CIOPS e ele, na maior sonsice, dizia estar limpo, mas quando foi puxada a fixa do vagabundo, a máscara caiu. A ficha do cara é tão suja quanto poleiro de patos. Aí, a prisão de Joniele chegou ao conhecimento do Delegado da 24ª DP do DF, que logo designou uma equipe para 

     recambiá-lo, pois precisava muito falar com ele.
Assista ao vídeo para ver a entrevista de Joniele.

Fotos: Gusttavo Macedo / TV  CMN

Texto da matéria de 2012: Carlos Leal / TV CMN

Categoria: , ,

Espalhe por aí

0 comentários