Mulher morre vítima de dengue hemorrágica e autoridades discutem ações para combater o Aedes aegypti

Unknown | 12:49:00 | 0 comentários



Maria Cardoso de Oliveira de 45 anos, morreu vítima de dengue hemorrágica no último domingo (7/02/2016) e era moradora de Águas Lindas de Goiás. O caso foi confirmado e autoridades da área da saúde discutem ações para combater ao Aedes aegypti.

Segundo fonte confiável da própria Secretaria Estadual de Saúde de Goiás (SES-GO), em Águas Lindas foram registrados 228 casos da dengue só no último mês de janeiro. Com esse número deixa a cidade como a 10ª com mais casos da doença no estado.

Segundo informações, Maria não conseguiu atendimento médico próximo de onde mora, então procurou ajuda no DF. De acordo com a família, a mulher foi internada no dia 3 de fevereiro, três dias depois, uma médica informou que ela precisava de vaga em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não houve tempo para a transferência.

Além de Águas Lindas de Goiás, a lista da SES-GO das cidades com mais casos da doença, em ordem decrescente, conta ainda com Goiânia, Anápolis, Luziânia, Aparecida de Goiânia, Rio Verde, Valparaíso de Goiás, Senador Canedo, Santo Antônio do Descoberto e Trindade.

No estado de Goiás até a data 31 de janeiro, 14.103 casos da doença foram noticiados neste ano, uma queda de 1,15% comparado com o ano de 2015, porém 6 (seis) mortes ainda são investigadas.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde do Estado de Goiás disse que apesar de a morte ter ocorrido no Distrito Federal, o caso será registrado nas estatísticas de Goiás, pois a contagem leva em conta o local de domicílio da vítima.

Com informações: G1 – Goiás: TV Anhanguera

Categoria: , ,

Espalhe por aí

0 comentários